Series

Game of Thrones: Rory McCann, o Cão de Caça, comenta Cleganebowl

Atenção! Este texto contém spoilers sobre o episódio 8x05 de Game of Thrones!

Finalmente: Cleganebowl saiu das teorias dos fãs e foi para as cenas de Game of Thrones no penúltimo episódio desta temporada. No embate entre Cão e Montanha, Sandor parte para cima de seu irmão Gregor nas escadarias da Fortaleza Vermelha, em uma luta aguardada desde que eram crianças.

Em qual dos dois você apostou? A melhor escolha teria sido "nenhum dos dois", já que ambos morrem.

Ainda assim, Cão tem uma vitória pessoal na situação, confrontando o maior medo de sua vida, o fogo, ao levar o irmão às chamas para acabar com a disputa de seu jeito.

No set de gravação, antes da filmagem de Cleganebowl, a revista Entertainment Weekly conversou com Rory McCann, o ator que viveu Sandor Clegane, sobre sua experiência na série e a conclusão de seu personagem.

O que você achou dos roteiros deste ano?

McCann: Muito bons. Estou muito feliz com o jeito como a história de Cão termina; eu amo todos os finais.

Não sei como eles conseguirão costurar todos juntos nem como é o fim de George R. R. Martin, se são os mesmos ou não. Eu não assisti a muito da série, só a alguns episódios, pois não vejo muita TV. Quando a temporada estreia, eu normalmente estou velejando ou algo do tipo, então estou ansioso para comprar o box completo e assistir a tudo enquanto estiver na cama.

Como foi a leitura dos roteiros para você?

McCann: Bem emotiva. Você vê as mortes e tudo está acontecendo na sua frente, com pessoas ficando chateadas — e aí chega sua parte. Foi meio engraçado quando Cleganebowl começou. Levei uma trombeta escondida comigo e, antes de dizer minhas últimas falas, eu a toquei.

Qual cena lhe deu mais orgulho?

McCann: Eu amo a luta com Brienne, que foi muito divertida, mas também adoro algumas cenas de diálogo com Maisie [Arya]. Elas vinham no momento em que eu só precisava relaxar, [porque] nos primeiros anos do seriado eu ficava muito nervoso o tempo inteiro.

Nesta última temporada, o que foi único para você?

McCann: A Batalha de Winterfell. Há alguns diretores que não falam muito e não dão feedback. Atores mais jovens fazem uma cena e depois olham para eles, querendo saber se foram bem, e não há uma palavra sequer nem um aceno. Miguel Sapochnik [o diretor da Batalha de Winterfell] tem muita personalidade.

O que você acha de como o Cleganebowl se desenrolou?

McCann: Espero que eu tenha gás para fazer tudo certo. Será uma luta muito intensa e acho que levaremos 3 dias para gravá-la. Ele [o Montanha] vai me arremessar e tenho certeza de que vou ficar mancando por meses; esse é o motivo de meus últimos dias de filmagem serem dedicados à luta. Será uma morte gloriosa e ele estará rindo. Cão perceberá que não pode matar Montanha enfiando uma adaga em seu olho, pois ele precisa ser queimado. De todas as coisas que Clegane precisa fazer, uma delas é entrar no fogo. Esse é o sacrifício, mas sua dor acaba.

Fontes 

O que você acha?

{{{ comment.name }}} {{ comment.time_posted }}

{{{ comment.body }}}